O sistema visual humano é complexo. Nos permite discernir cores e luminosidade para a construção das sensações de espaço, movimento e reconhecimento de formas, rostos e objetos¹.

Usamos o termo ‘matiz’ quando queremos nos referir apenas à percepção das cores, independente da luminosidade ou grau de claridade. Separar matizes próximos é uma tarefa bem mais difícil do que se imagina a princípio.

teste_Munsell_detalhe
Detalhe do Teste de Munsell (versão online)

Distinguir apenas os matizes acaba se tornando um verdadeiro desafio visual já que nossos olhos estão acostumados a associar as tonalidades coloridas às diferenças de claridade. Tanto é verdade que mesmo cores vivas, como amarelo e laranja, apresentam diferenças de claridade. O tom de laranja vivo (saturado) é mais escuro que o amarelo, o que facilita a distinção entre estas cores. Mas quando tons próximos de verde, azul e violeta apresentam a mesma luminosidade, como na imagem acima, a sua identificação e ordenação exige maior esforço.

Teste de Tonalidades Farnsworth-Munsell 100

Para medir a nossa acuidade visual na distinção dos matizes contamos com o teste de Tonalidades Farnsworth-Munsell 100, desenvolvido há mais de 40 anos pelo americano Albert Henry Munsell (1858-1918), famoso pela criação do seu Sistema Cromático (Munsell Color System) – referência internacional para o controle de cores (colorimetria). 

Utilizado por diversos setores e especialmente na indústria gráfica, além de classificar o grau de acuidade visual das pessoas para a distinção de cor, o teste de Munsell  identifica deficiências visuais como o daltonismo.

A versão física original desse teste consiste em 4 réguas e 85 peças coloridas removíveis. O teste avalia a capacidade da pessoa em ordenar as peças coloridas na sequência correta. Segundo a X-Rite, empresa fabricante do teste Farnsworth-Munsell 100o mesmo deve ser administrado sob condições de iluminação que atendam a um padrão próximo à luz do dia, reproduzível em cabines especializadas. “O teste classifica as pessoas com visão de cor normal nos graus de superior, média e baixa habilidades de discriminação de cores e para medir as regiões de confusão de cor no caso de pessoas com anomalias nesta característica.”

munsell_teste
Versão física do Teste de Tonalidades de Farnsworth-Munsell 100, oferecido pela X-Rite

Há uma versão online simplificada do teste Farnsworth-Munsell 100, que podemos acessar gratuitamente no site da X-Rite. Esta versão não oferece o mesmo rigor do teste oficial, já que existem diferença na configuração e resolução dos monitores.

Mas vale a pena conferir: http://www.xrite.com/online-color-test-challenge

teste_Munsell
Versão online do Teste de Munsell baseada no teste oficial FM100 Hue Test da X-Rite

Nota:

¹Leia + sobre percepção da cor:

1) A sensação da cor: um presente da evolução

2) A materialidade da cor na obra de Taisa Nasser

Compartilhe isso:Share on FacebookShare on Google+Pin on PinterestTweet about this on TwitterShare on LinkedInEmail this to someone
(Visited 922 times, 1 visits today)

Posts relacionados

Sua visão distingue bem as cores?